Menina tomando vacina contra HPV

Dr. Francisco Machado

O HPV (Papilomavírus Humano (HPV) é uma das DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) mais comuns da atualidade. A boa notícia é: a vacina é uma forma de prevenção eficaz.

Pensando nisso, nós preparamos um artigo com tudo o que você precisa saber sobre ela, desde qual idade tomá-la até onde consegui-la. Vamos lá?

Primeiro de tudo: o que é a vacina contra HPV?

A vacina do HPV contém uma dose inativa ou enfraquecida do vírus que, ao ser aplicada no corpo, ajuda nosso sistema imunológico a criar defesas contra eles.

No Brasil, existem dois tipos de: bivalente e quadrivalente. A primeira previne os tipos 16 e 18 da doença (maiores responsáveis pelo câncer de colo de útero). A segunda protege contra os tipos 6 e 11 (causadores de verrugas genitais), e 16 e 18.

Ela é segura?

Sim. Seus efeitos colaterais mais comuns são dor e vermelhidão temporárias no local da aplicação.

O grande tabu que gira em torno da vacina contra HPV é que, por esta prevenir uma DST, muitas pessoas acreditam que ela não seja apropriada para crianças.

Porém, a realidade é que essa vacina se torna ainda mais eficaz se aplicada um tempo antes da pessoa iniciar sua vida sexual. Por isso, adquiri-la enquanto ainda é novo é uma excelente forma de se prevenir contra o HPV em todos os sentidos.

Quem deve tomar a vacina?

Bivalente: indicada para meninas e mulheres, de 9 a 45 anos.

Quadrivalente: recomendada a meninos e homens de 9 a 26 anos.

Pessoas já infectadas pelo papiloma vírus também devem tomá-la para reduzir, assim, o risco de reinfecções.

E quem não deve se vacinar contra o HPV?

Por ainda não existirem estudos suficientes que comprovem a segurança dessa vacina para gestantes, ela ainda é contraindicada nestes casos.

Alérgicos a quaisquer um dos componentes da dose também devem ficar longe dela.

Como funciona a vacinação contra o HPV no Brasil?

Ela pode ser adquirida por meio do SUS e sua aplicação é feita em duas etapas, com diferença de 6 meses entre elas.

Observação: o Ministério da Saúde recomenda que os pacientes com HIV devem tomar 3 doses da vacina contra o HPV. O primeiro intervalo é de 2 meses e, o segundo, 6 meses.

Gostou do texto? Mantenha-se sempre atualizado sobre as melhores escolhas para a sua vida com o nosso Blog e redes sociais (Facebook, Instagram e Twitter)! Estamos te esperando.