Abdominoplastia: o que você precisa saber?

Close de abdomen de mulher com marcas para orientar o cirurgião no procedimento da abdominoplastia

A abdominoplastia é um procedimento estético que remove cirurgicamente o excesso de pele e gordura da região do abdômen, recupera a firmeza muscular e melhora a aparência da região.

É muito popular entre homens e mulheres, especialmente aqueles cujos corpos passaram por mudanças dramáticas devido à perda de peso ou gravidez.

Continue conosco para saber tudo o que precisa sobre esse assunto!

Tipos de abdominoplastia

Existem várias técnicas diferentes para a plástica do abdômen. Cada uma tem suas indicações específicas de acordo com o tipo físico e as necessidades do paciente. São elas:

Abdominoplastia clássica

Essa técnica é indicada quando há grande sobra de pele e diástase (afastamento) dos músculos retos abdominais.

Na abdominoplastia clássica são feitas duas incisões, uma em torno do umbigo e a outra semi-circular próxima aos pelos pubianos.

marcas feitas pelo cirurgião em uma abdominoplastia clássica

Abdominoplastia extensa

Essa técnica é utilizada principalmente para pacientes que perderam uma grande quantidade de peso de forma rápida, como após uma cirurgia bariátrica.

Esse método permite remover o excesso de pele e gordura da região abdominal, e também dos flancos (regiões laterais).

Na abdominoplastia extensa, a incisão inferior é mais longa, chegando até as costas.

marcas feitas pelo cirurgião em uma abdominoplastia extensa

Mini abdominoplastia (mini-abdômen)

Indicada para pacientes que têm excesso de pele apenas abaixo do umbigo. Nessa técnica é feita apenas a incisão inferior. O umbigo não é reposicionado e nem a musculatura abdominal é tratada.

marcas feitas pelo cirurgião em uma abdominoplastia mini

Abdominoplastia associada à lipoaspiração

Quando necessário, uma lipoaspiração pode ser realizada ao mesmo tempo que a abdominoplastia.

Assim, é possível remover o excesso de gordura no abdômen, cintura e nas costas, melhorando os resultados do procedimento.

Indicações da abdominoplastia

A abdominoplastia é uma cirurgia estética, normalmente indicada para:

  • mulheres que passaram por múltiplas gestações e apresentam flacidez na região do abdômen;
  • pessoas que tiveram uma perda significativa de peso e, como resultado, ficaram com uma sobra de pele na região abdominal;
  • pacientes que apresentam, em decorrência do processo de envelhecimento natural, uma flacidez da pele do abdômen.

Como se preparar para a cirurgia?

Ao se decidir pela abdominoplastia, o primeiro passo é realizar uma série de testes pré-operatórios para garantir que você está apto a passar por esse procedimento com segurança.

Alguns dias antes da abdominoplastia, o paciente costuma receber as seguintes recomendações:

  • parar de fumar (o tabagismo diminui o fluxo sanguíneo para a pele, podendo retardar o seu processo de cicatrização);
  • evitar medicamentos que possam aumentar o sangramento como, por exemplo, a aspirina.

O médico irá fornecer orientações sobre o tempo de jejum, tipo de anestesia e dias de internação.

Além disso, não se esqueça de planejar como serão seus dias após o procedimento. O ideal é pedir ajuda para que alguém o leve para casa depois da cirurgia e fique com você por, pelo menos, duas noites.

A cirurgia

Um procedimento como a abdominoplastia pode levar de duas a cinco horas (tudo depende da técnica utilizada).

Depois de feitas as incisões, a pele será separada dos músculos abdominais e o excesso de gordura será removido dessa região. Além disso, dependendo do caso, os músculos abdominais podem, ainda, serem puxados para mais perto um do outro e costurados.

Por fim, a pele é puxada para baixo e o seu excesso removido. Quando indicado (exceto na mini abdominoplastia), o umbigo é reposicionado para um resultado natural.

E, por fim: a recuperação

A recuperação de qualquer tipo de abdominoplastia pode levar de duas semanas a três meses. Tudo depende da técnica escolhida. Então, se você tiver uma quantidade substancial de pele e gordura removidas, por exemplo, espere que a recuperação seja mais longa.

É normal sentir dores nas semanas seguintes, porém, elas podem ser controladas por meio de analgésicos. Além disso, é esperado haver um pequeno inchaço na região em que a cirurgia foi feita.

Os drenos, por sua vez, podem permanecer no local por vários dias após a cirurgia. Porém, não se preocupe. A equipe do hospital lhe ensinará a cuidar deles.

Você usará, ainda, uma vestimenta abdominal de suporte por cerca de seis semanas após a abdominoplastia. Ela ajudará a prevenir o acúmulo de líquido na região e fornecer suporte abdominal durante a cicatrização.

No primeiro mês após o procedimento, você precisará ter bastante cuidado ao se movimentar, principalmente para evitar tensionar as cicatrizes e rompê-las.

No mais, as visitas pós-cirúrgicas serão recorrentes em sua rotina, o que é muito bom para garantir que tudo esteja em ordem.

 

Gostou do texto? Mantenha-se sempre atualizado sobre as melhores escolhas para a sua vida com o nosso Blog e redes sociais (Facebook, Instagram e Twitter)! Estamos te esperando.

Cirurgia Plástica

Deixar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *