Detalhe de bebe mamando no peito da mãe. A amamentação ajuda na Prevenção de distúrbios ortodônticos e da fala

Dra. Denise Brasileiro

Durante o aleitamento materno, o bebê utiliza todos os músculos da face, diferente do que ocorre com o uso da mamadeira.

Esse exercício muscular resulta em um crescimento mais harmonioso da face e previne problemas ortodônticos e distúrbios da fala.

Desenvolvimento da cavidade oral

O aleitamento materno promove um desenvolvimento normal da face e da boca.

A erupção dos dentes é mais adequada e eles tendem a um alinhamento mais perfeito, reduzindo a chance de problemas ortodônticos como a mordida cruzada, tão comum atualmente.

O palato tem um formato mais anatômico e a musculatura da língua se desenvolve de uma forma que o bebê engole melhor e tem menos chances de obter apnéia obstrutiva do sono.

Desenvolvimento da fala

O desenvolvimento da fala também sofre influência da amamentação. Quanto maior o tempo de aleitamento materno, mais rápido os bebês aprendem a falar, segundo a literatura. Esse efeito é observado mais claramente nos meninos, em comparação com as meninas.

Atualmente existe um grande número de crianças com distúrbios da fala devido ao tempo reduzido de amamentação, e também pelo atraso na introdução de alimentos sólidos.

Outros benefícios

Os benefícios da alimentação se estendem para a vida inteira. Vários trabalhos mostraram que crianças que foram amamentadas exclusivamente no peito por 6 meses, e depois receberam o leite materno associado à alimentação complementar por um período prolongado (12 meses ou mais), atingiram um melhor desempenho escolar e uma situação financeira de 12 a 16% melhor na vida adulta.

Em todo o mundo, as campanhas em prol do aleitamento materno visam apoiar as mães, facilitando a amamentação quando e onde elas precisarem.

Você pode ajudar, divulgue!

Gostou do texto? Mantenha-se sempre atualizado sobre as melhores escolhas para a sua vida com o nosso Blog e redes sociais (Facebook, Instagram e Twitter)! Estamos te esperando.